PJBA REALIZA FORMAÇÃO DE FACILITADORES EM PROCESSOS CIRCULARES COM TURMA DE LAURO DE FREITAS; CURSO SEGUE ATÉ SEXTA-FEIRA (21)  

Home > PJBA REALIZA FORMAÇÃO DE FACILITADORES EM PROCESSOS CIRCULARES COM TURMA DE LAURO DE FREITAS; CURSO SEGUE ATÉ SEXTA-FEIRA (21)   Voltar

PJBA REALIZA FORMAÇÃO DE FACILITADORES EM PROCESSOS CIRCULARES COM TURMA DE LAURO DE FREITAS; CURSO SEGUE ATÉ SEXTA-FEIRA (21)  

 PUBLICADO EM: 19/10/2022 ÀS 14:24

 ATUALIZADO EM: 19/10/2022 ÀS 15:39

O Núcleo de Justiça Restaurativa de 2º Grau (NJR2G) do Poder Judiciário do Estado da Bahia (PJBA) e a Universidade Corporativa (Unicorp) promovem o Curso de Formação de Facilitadores em Processos Circulares, até sexta-feira (21), para os magistrados, os servidores, os agentes de proteção e os conselheiros tutelares que atuam na Vara da Infância e Juventude e na Rede de Proteção da Comarca de Lauro de Freitas. 

A capacitação teve início na segunda-feira (17) para uma turma pré-selecionada de 25 alunos, em modalidade presencial, na Unicorp, no 5º andar do Anexo II – Edifício Advogado Pedro Milton de Brito, no Centro Administrativo da Bahia. O Círculo de Construção de Paz é uma prática que engloba a resolução pacífica e estruturada de conflitos, que aposta na conscientização das pessoas que compõem um processo judicial. 

A Juíza Maria Fausta Cajahyba Rocha, que atua como coordenadora e instrutora da ação – ao lado dos instrutores Miriam de Almeida Santana, Coordenadora do NJR2G, e Expedito Carlos Gomes, Servidor aposentado do Tribunal – reafirma que a seleção do público-alvo foi realizada em atenção ao art. 29 A, da Resolução 225/2016, do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).  

“Ministrar um curso de capacitação para profissionais que trabalham com a Infância e Juventude é muito importante porque traz a vivência, realmente, do olhar para a infância e a adolescência como sujeito de direito e não como objeto, como se fazia antigamente”, explica a Magistrada. Ela destaca, também, a importância de dar voz às crianças e aos adolescentes, trabalhando com os profissionais que tratam das necessidades desse público.  

“Quero salientar a importância de trabalhar com o público infanto-juvenil, especificamente, o adolescente, em práticas restaurativas. A Justiça Restaurativa trabalha, fundamentalmente, com valores humanos. Essa constitui uma das grandes promessas da Justiça Restaurativa para as gerações futuras”. 

Conforme a Juíza Maria Fausta Cajahyba Rocha, a turma foi selecionada pela Magistrada Maria Helena Lordelo, da Comarca de Lauro de Freitas, a quem agradece a confiança e a parceria. A Juíza Maria Fausta, também, agradece o apoio contínuo da Unicorp às capacitações em práticas restaurativas, desde a época em que era dirigida pelo atual Presidente do PJBA, Desembargador Nilson Castelo Branco, até os dias de hoje, com a parceria do Diretor-Geral, Desembargador Mário Albiani Júnior.  

Descrição da imagem: participantes da Comarca de Lauro de Freitas durante a capacitação de facilitadores em processos circulares [fim da descrição].  

#pracegover #pratodosverem 

Imagens

  • Calendário

    February 2024
    SMTWTFS
    1
    2
    3
    4
    5
    6
    7
    8
    9
    10
    11
    12
    13
    14
    15
    16
    17
    18
    19
    20
    21
    22
    23
    24
    25
    26
    27
    28
    29
      
    < Jan Mar >
  • Tags